Gestão Estratégica de Pessoas e Redução de Custos: Um Estudo de Caso no Setor de Logística de uma Empresa
PDF

Palavras-chave

Gestão Estratégica
Gestão de Pessoas
Custos

Como Citar

Xavier, L. D., Bernardi, F. C., Camargo, M. E., Biegelmeyer, U. H., Tannhauser, C. L., Biegelmeyer, S. C., & Galelli, A. (2018). Gestão Estratégica de Pessoas e Redução de Custos: Um Estudo de Caso no Setor de Logística de uma Empresa. Revista Inteligência Competitiva, 8(1), 1–22. https://doi.org/10.24883/IberoamericanIC.v8i1.244

Resumo

Para o desenvolvimento econômico e o sucesso da organização, o capital humano é visto como ativo fundamental. Neste sentido, o presente artigo teve por objetivo demonstrar estratégias de gestão de pessoas que possibilitem a redução de custos. Identificando os fatores proeminentes e predominantes de uma empresa, diante de um cenário econômico financeiro restrito, onde as reduções de custos são essenciais para a saúde financeira da organização, identificaram-se estratégias adotadas pela empresa Beta em busca da redução de despesas. Para tanto, utilizou-se um estudo de caso com pesquisa exploratória e abordagem qualitativa por meio de entrevistas semiestruturadas e em profundidade a partir de um roteiro, e um trabalho de campo com as lideranças da área de logística da empresa, com o intuito de definir as estratégias de maior impacto e retorno nas reduções de custos. Os resultados obtidos demonstraram os fatores positivos frente à decisão da aplicação do projeto da empresa Beta reduzir o custo de despesas operacionais diárias, sem a necessidade de demissões em massa e visando o fator motivacional dos profissionais. O maior impacto diante do projeto, não foi somente identificar as maiores e melhores estratégias de redução de custos, mas sim melhorar a gestão de pessoas.

https://doi.org/10.24883/IberoamericanIC.v8i1.244
PDF

O(s) autor(es) autoriza(m) a publicação do texto na da revista;

O(s) autor(es) garantem que a contribuição é original e inédita e que não está em processo de avaliação em outra(s) revista(s);

A revista não se responsabiliza pelas opiniões, idéias e conceitos emitidos nos textos, por serem de inteira responsabilidade de seu(s) autor(es);

É reservado aos editores o direito de proceder a ajustes textuais e de adequação às normas da publicação.

Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.

Esta licença permite que outros remixem, adaptem e criem a partir do seu trabalho para fins não comerciais, e embora os novos trabalhos tenham de lhe atribuir o devido crédito e não possam ser usados para fins comerciais, os usuários não têm de licenciar esses trabalhos derivados sob os mesmos termos.

Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.

Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal) a qualquer ponto antes ou durante o processo editorial, já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado (Veja O Efeito do Acesso Livre) emhttp://opcit.eprints.org/oacitation-biblio.html

Downloads

Não há dados estatísticos.